AssociaĆ§Ć£o Procurar AbraƧos
26
2047
Termos de utilizaĆ§Ć£o

"Declaro que autorizo a gestĆ£o informĆ”tica dos meus dados pessoais, sob a responsabilidade do Banco Credibom, S.A., pessoa colectiva nĀŗ 503 533 726, com sede na Avenida Norton de Matos, 71 - 3Āŗ, 1495-148 AlgĆ©s, para efeitos de processamento deste Passatempo, apuramento do vencedor e entrega dos prĆ©mios, bem como para eventual promoĆ§Ć£o de produtos ou serviƧos e de execuĆ§Ć£o de acƧƵes de marketing directo, atravĆ©s de meios telefĆ³nicos, escritos, mailing ou electrĆ³nicos, nomeadamente Email, SMS ou MMS. Declaro, por minha honra, que os dados por mim prestados sĆ£o verdadeiros e correctos. Informamos que poderĆ” aceder Ć  informaĆ§Ć£o que lhe diga respeito e solicitar junto do Banco Credibom, S.A., a sua correcĆ§Ć£o, aditamento ou eliminaĆ§Ć£o."

fechar
As votações já terminaram. Obrigado.

fechar
AssociaĆ§Ć£o Procurar AbraƧos
AssociaĆ§Ć£o Procurar AbraƧos
Quinta do Conde

A Associação “ Procurar Abraços”´ é uma organização não governamental, sem fins lucrativos, cujo objectivo, entre outros, é fomentar acções de cariz humanitário nos países da CPLP, nomeadamente nos mais desfavorecidos. 

Neste momento a APA encontra-se a desenvolver uma acção direccionada para as crianças e idosos de São Tomé e Príncipe a qual assenta na implantação de um Centro Comunitário no distrito de Lobata.

 Ao tomar conhecimento da excelente iniciativa da Flexibom não podíamos deixar de lançar o repto à colaboração uma vez que a maior parte das crianças santomenses não têm um brinquedo a lembrar que Natal é tempo de magia e de cor, mas acima de tudo é tempo de afecto e solidariedade, cujos conceitos não podem ser apenas intenções mas sim acções concretas que levem à realidade, neste caso às crianças o brilho e a cor do Pai Natal enquanto mensagem de esperança num Mundo melhor, mais equilibrado e justo, onde independentemente, do local do planeta onde se nasça o direito a ser criança no tempo de criança sejam uma realidade. Qualquer contributo, seja de que género for, será para aquisição de brinquedos, roupa e material escolar. Uma das coisas, entre tantas outras que nos fizeram chorar, foi ver crianças a pedirem-nos cadernos escolares ( não é algo que estejamos habituados na Europa... ), uma vez que estas crianças Sonham em estudar, em ser alguém, em puder ajudar a familia. Estas crianças, que quase Nada comem, ainda conseguem ter força em querer estudar.

Há coisas que nos marcam para sempre.... e é isso que nos faz voltar.
 

26